Bolo de Fubá com Compota de Goiaba: Receita Deliciosa!

O bolo de fubá é uma verdadeira delícia que remete às memórias afetivas e aos sabores caseiros. Com sua textura fofinha e sabor marcante, esse bolo conquista paladares e é um clássico nas mesas brasileiras. Hoje vamos compartilhar com você uma receita especial de bolo de fubá simples, ensinada pela renomada chef Rita Lobo. Além de ser simples e fácil de fazer, esse bolo é uma sobremesa clássica na casa das avós e um perfeito acompanhamento para o café da tarde. Prepare-se para se deliciar com essa maravilha!

Ver Melhor

Dicas para um bolo de fubá perfeito:

  • Utilize fubá mimoso: O fubá mimoso possui uma textura mais fina, o que garante um resultado mais delicado e macio no bolo. Essa escolha fará toda a diferença no resultado final.
  • Capriche na quantidade de açúcar: O bolo de fubá geralmente pede uma quantidade generosa de açúcar para equilibrar o sabor do fubá e deixar o bolo mais gostoso. Portanto, não economize nesse ingrediente.
  • Aromatize com erva-doce: As sementes de erva-doce conferem um aroma delicioso ao bolo de fubá. Não deixe de adicioná-las à massa para um toque especial.
  • Unte e polvilhe a forma corretamente: Para evitar que o bolo grude na forma, é essencial untá-la com manteiga e polvilhar com farinha de trigo. Isso garantirá que o bolo se solte facilmente após assado, mantendo sua forma intacta.
Ver Melhor

Curiosidades:

  • Origem: O bolo de fubá tem suas raízes na culinária brasileira, sendo tradicionalmente consumido em diversas regiões do país. Sua popularidade se deve à facilidade de encontrar o fubá e aos sabores marcantes e reconfortantes.
  • Versatilidade: Além do tradicional bolo de fubá simples, existem inúmeras variações dessa receita, como o bolo de fubá com goiabada, bolo de fubá cremoso e bolo de fubá com coco. Cada versão adiciona um toque especial ao clássico, explorando combinações de sabores e texturas.
  • Acompanhamentos: O bolo de fubá pode ser apreciado puro, mas também combina perfeitamente com uma xícara de café quentinho, chá ou até mesmo uma generosa porção de compota de goiaba, como é o caso da receita que compartilhamos neste artigo.
Ver Melhor

FAQ - Perguntas Frequentes sobre o bolo de fubá:

  • Posso substituir o fubá mimoso por fubá tradicional?

Ver Melhor

Embora seja possível substituir, o fubá mimoso é mais recomendado para garantir uma textura mais leve e delicada ao bolo. O fubá tradicional pode deixar a massa mais densa.

Ver Melhor
  • É possível congelar o bolo de fubá?

Ver Melhor

Sim, é possível congelar o bolo de fubá. Congelar o bolo é uma ótima opção para prolongar sua durabilidade e garantir que você possa desfrutar dele por mais tempo.

Ver Melhor

Para congelar o bolo de fubá corretamente, siga os passos abaixo:

Ver Melhor
  1. Espere o bolo esfriar completamente antes de iniciar o processo de congelamento. Se possível, corte o bolo em pedaços individuais para facilitar o descongelamento posteriormente.
  2. Envolva cada pedaço de bolo em filme plástico ou papel-alumínio. Certifique-se de que estejam bem protegidos e vedados para evitar a entrada de ar.
  3. Coloque os pedaços de bolo embalados em um recipiente ou saco plástico próprio para congelamento. Retire o máximo de ar possível antes de fechar o recipiente ou saco.
  4. Identifique o recipiente ou saco com a data de congelamento para facilitar o controle.
  5. Coloque o bolo no congelador e certifique-se de que a temperatura esteja ajustada para a faixa de congelamento adequada, geralmente abaixo de -18°C.
Ver Melhor

Ao desejar consumir o bolo congelado, basta retirar os pedaços desejados do congelador e deixá-los descongelar em temperatura ambiente por algumas horas ou na geladeira de um dia para o outro. O bolo estará pronto para ser apreciado novamente.

Ver Melhor

É importante ressaltar que o bolo de fubá congelado pode ter sua textura ligeiramente alterada após o descongelamento, ficando um pouco mais úmido. No entanto, o sabor e a qualidade geral devem permanecer bons. Certifique-se de consumir o bolo dentro de um prazo razoável, geralmente de 1 a 3 meses, para obter melhores resultados.

Ver Melhor

Congelar o bolo de fubá é uma excelente maneira de aproveitar essa deliciosa sobremesa em diferentes momentos, mantendo sua frescura e sabor original. Experimente essa técnica e desfrute de um bolo de fubá sempre que desejar, com praticidade e conveniência.

Ver Melhor
  • Quem criou o fubá?

Ver Melhor

O fubá é um alimento milenar, e não há um criador específico associado a ele. O termo "fubá" deriva do quimbundo, uma língua banta falada em algumas regiões da África, e foi trazido pelos africanos escravizados durante o período colonial no Brasil.

Ver Melhor

A técnica de moer o milho seco para obter uma farinha fina e granulada, conhecida como fubá, é uma prática que remonta às culturas indígenas pré-colombianas. Com a chegada dos colonizadores portugueses e a influência africana, o fubá ganhou popularidade e se tornou um ingrediente essencial na culinária brasileira.

Ver Melhor

Ao longo dos séculos, o fubá se tornou um dos principais ingredientes na preparação de diversos pratos tradicionais, como bolos, pães, polentas e mingaus. Sua versatilidade e sabor único fizeram dele um elemento fundamental na gastronomia brasileira.

Ver Melhor

Portanto, o fubá é resultado de uma combinação de influências culturais e históricas, sem uma autoria específica. É um legado que foi passado de geração em geração, enriquecendo a nossa culinária com seu sabor e tradição.

Ver Melhor

Conclusão:

Em suma, o bolo de fubá é uma verdadeira joia da culinária brasileira. Com sua textura fofinha, sabor marcante e memórias afetivas, ele conquista o paladar de todos que o provam. A receita simples que compartilhamos, ensinada por Rita Lobo, permite que você desfrute desse clássico de forma descomplicada e com resultados deliciosos.

Ver Melhor

Ingredientes:

Para a compota de goiaba:

Ver Melhor
  • 2 kg de goiabas vermelhas maduras (7 goiabas)
  • 1 ½ xícara (chá) de açúcar cristal
  • 3 xícaras (chá) de água
  • 1 rama de canela
Ver Melhor

Para o bolo de fubá com goiabada:

  • 1 ½ xícara (chá) de fubá mimoso
  • 1 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 ½ xícara (chá) de açúcar
  • 4 ovos
  • 1 xícara (chá) de óleo
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 colher (sopa) de sementes de erva-doce
  • 1 pitada de sal
  • Manteiga e farinha de trigo para untar e polvilhar
Ver Melhor

Modo de Preparo do Bolo de Fubá:

Para a compota:

Ver Melhor
  1. Com o descascador de legumes (ou uma faca bem afiada), descasque as goiabas com cuidado para manter o formato da fruta bem redondinho.
  2. Corte cada goiaba ao meio e, com uma colher de sobremesa, retire o miolo com as sementes – você pode reservar esta parte da fruta na geladeira e preparar um suco.
  3. Numa panela média misture a água com o açúcar. Junte a rama de canela e leve ao fogo médio.
  4. Deixe cozinhar sem mexer por 5 minutos depois de ferver, para formar uma calda rala.
  5. Mergulhe as goiabas na calda e espere ferver novamente.
  6. Abaixe o fogo e deixe cozinhar por 20 minutos – nesse tempo as goiabas ficam macias, absorvem o açúcar e passam sabor à calda.
  7. Atenção ao tempo: caso as goiabas estejam muito maduras, deixe cozinhar por menos tempo pois podem desmanchar.
  8. Para verificar o ponto: espete as frutas com um garfo, elas devem estar macias, mas sem desmanchar.
  9. Desligue o fogo e transfira as goiabas com a calda para uma compoteira.
  10. Deixe esfriar completamente antes de fechar e levar à geladeira.
  11. Enquanto isso, prepare o bolo.
Ver Melhor

Para o bolo:

  1. Pré-aqueça o forno a 180 ºC (temperatura média).
  2. Com um pedaço de papel toalha, unte com manteiga uma fôrma de bolo com furo no meio (25 cm de diâmetro).
  3. Polvilhe com farinha e chacoalhe bem para espalhar.
  4. Bata na pia para retirar o excesso.
  5. Numa tigela pequena, quebre um ovo de cada vez e transfira para o liquidificador – se um estiver estragado você não perde a receita.
  6. Junte o óleo, o açúcar e o leite.
  7. Bata bem até ficar liso, por cerca de 5 minutos.
  8. Transfira a mistura para uma tigela grande.
  9. Junte o fubá e a farinha, passando pela peneira.
  10. Com um batedor de arame, mexa delicadamente a cada adição, até a massa ficar lisa.
  11. Por último misture o fermento, as sementes de erva-doce e o sal.
  12. Despeje a massa do bolo na fôrma untada e nivele com uma espátula.
  13. Leve ao forno para assar por cerca de 30 minutos.
  14. Para saber se o bolo está assado: espete um palito na massa, se sair limpo é sinal que o bolo está pronto; caso contrário, deixe por mais alguns minutos.
  15. Retire o bolo do forno e deixe esfriar por 15 minutos antes de desenformar.
  16. Sirva em temperatura ambiente com a compota de goiaba fria.
Ver Melhor

Mais detalhes no vídeo:

http://youtu.be/lVHpwjkNd3Y

Ver Melhor

Autora: Rita LoboInstagram

Ver Melhor

Veja Também:

Ver Melhor

Bolo de Fubá Cremoso

Ver Melhor

Bolo de Fubá de Liquidificador

Ver Melhor

Receita de Bolo de Fubá com Erva Doce

Ver Melhor

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Receitas da Tia