Pular para o conteúdo
Início » Acompanhamentos » Como Fazer Acarajé: Rodrigo Hilbert e Dona Carmem Ensinam

Como Fazer Acarajé: Rodrigo Hilbert e Dona Carmem Ensinam

Rodrigo Hilbert recebe Dona Carmem no Tempero de Família e a chef ensina como fazer acarajé baiano com direito a caruru, vatapá e molho lambão.

O acarajé é uma das iguarias mais famosas da Bahia, sendo um prato que faz parte da tradição culinária e cultural do estado. Seu preparo requer tempo, dedicação e ingredientes específicos que podem ser encontrados em lojas especializadas. Neste texto, vamos apresentar dicas da Dona Carmem, chef baiana que ensinou Rodrigo Hilbert a preparar o acarajé completo. Aprenda a fazer essa deliciosa iguaria e surpreenda seus convidados.



Dicas de como fazer acarajé baiano

O preparo do acarajé pode parecer difícil à primeira vista, mas com algumas dicas, você pode preparar essa deliciosa iguaria com facilidade. É importante lembrar que a escolha dos ingredientes é fundamental para garantir o sabor e a textura do acarajé. A seguir, confira algumas dicas para fazer um acarajé simples e delicioso:

  • Escolha o feijão fradinho de boa qualidade e deixe-o de molho em água por pelo menos oito horas.
  • Na hora de preparar o bolinho de acarajé, é importante bater o feijão com uma quantidade mínima de água para garantir a consistência correta.
  • Frite os bolinhos em óleo de dendê bem quente para que fiquem crocantes por fora e macios por dentro.
  • O caruru, o vatapá e o molho lambão podem ser preparados com antecedência e armazenados na geladeira.

Curiosidades

O acarajé é um prato que tem origem nas religiões afro-brasileiras e era utilizado como oferenda aos orixás. Com o tempo, o acarajé se tornou um símbolo da culinária baiana e é muito apreciado pelos turistas que visitam o estado. O preparo do acarajé requer paciência e habilidade, e é uma verdadeira arte que é passada de geração em geração.

Continua após a publicidade..

Perguntas Frequentes sobre como fazer acarajé baiano

  1. O que é o caruru?
    O caruru é um acompanhamento feito com quiabo, camarão seco, amendoim, castanha de caju e temperos. É servido junto com o acarajé.
  2. Qual é a diferença entre o vatapá e o caruru?
    O vatapá é um creme feito com pão dormido, leite de coco, camarão seco e temperos. Já o caruru é feito com quiabo, camarão seco, amendoim, castanha de caju e temperos.
  3. Qual é a origem do acarajé?
    O acarajé tem origem nas religiões afro-brasileiras e era utilizado como oferenda aos orixás. Com o tempo, o acarajé se tornou um símbolo da culinária baiana e é muito apreciado pelos turistas que visitam o estado.

Rendimento:

O rendimento de uma receita de acarajé pode variar dependendo do tamanho dos bolinhos. No caso da receita que você passou, utilizando 500g de feijão fradinho, é possível fazer em média 25 a 30 bolinhos, considerando um tamanho médio de 70 a 80 gramas cada bolinho. Para fazer bolinhos de 200 gramas cada, seria necessário multiplicar os ingredientes da receita por cerca de 6,5 vezes. Porém, é importante ressaltar que bolinhos de acarajé muito grandes podem ter dificuldade em cozinhar por completo no interior.

Em resumo, o acarajé é uma iguaria deliciosa e muito apreciada em todo o Brasil, especialmente na região Nordeste. Embora seja uma receita trabalhosa e que exige atenção aos detalhes, não há nada melhor do que saborear um acarajé bem feito.

Aprender como fazer acarajé baiano é uma experiência única, e pode ser ainda mais especial se compartilhada com amigos e familiares. Além disso, é uma oportunidade para conhecer a história e cultura da culinária baiana, que tem influências africanas, indígenas e portuguesas.

Não se esqueça de seguir as dicas e orientações apresentadas neste texto para ter sucesso ao preparar o seu acarajé em casa. E se quiser surpreender ainda mais, prepare também o caruru, o vatapá e o molho lambão para acompanhar o seu acarajé completo.

Agora que você já sabe tudo sobre como fazer acarajé baiano, não perca mais tempo e coloque as mãos na massa! Confira abaixo a receita completa e desfrute dessa delícia típica da Bahia.

Ingredientes para o Caruru:

  • 500g de quiabo
  • 80ml de azeite de dendê
  • 50ml de óleo
  • 1 cebola
  • 4 dentes de alho
  • 300g de camarão seco
  • Coentro e cebolinha a gosto
  • 100ml de leite de coco
  • 200ml de caldo de camarão
  • 100g de amendoim
  • 100g de castanha de caju
  • ½ Pimentão verde, vermelho e amarelo
  • 15g de gengibre á gosto
  • Pimenta malagueta a gosto
  • Pimenta de cheiro a gosto
  • Pimenta dedo de moça a gosto
  • Açafrão a gosto
  • Páprica defumada a gosto
  • Sal a gosto

Ingredientes para o Vatapá:

  • 300g de camarão seco
  • 500g de pão dormido
  • 1 ½ litro de leite integral
  • 350 ml de leite coco grosso
  • 150 ml de caldo de camarão
  • 150g de castanha de caju
  • 100g de amendoim
  • 50 ml de azeite de oliva
  • 100 ml de azeite de dendê
  • 40g de coentro e cebolinha
  • 30g de gengibre
  • 1 pimenta dedo de moça e pimenta de cheiro
  • 1 cebola
  • 4 dentes de alho
  • 1 pimenta malagueta
  • ½ pimentão amarelo, vermelho e verde
  • 1 colher de chá de açafrão e e páprica
  • Raspas de dandá da costa ou noz moscada a gosto
  • Sal a gosto

Para o Caldo de Camarão:

  • 2 cebolas
  • 4 dentes de alho
  • 2 cenouras
  • 1 folha de louro
  • 7 cravos
  • ½ alho Poró
  • 1 aipo
  • 100g de casca de camarão fresco
  • 100g de cabeça de camarão seco
  • 50ml de óleo para refogar
  • Água para cobrir

Ingredientes para o Bolinho de Acarajé:

  • ½ kg de feijão fradinho
  • 2 cebolas branca
  • 1 cebola roxa (para colocar no óleo na hora de fritar)
  • 1 litro de azeite
  • 500ml de azeite de dendê
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 100g de camarão seco para decorar

Modo de Preparo do Caruru:

  1. Corte os quiabos em rodelas finas.
  2. Pique a cebola, o alho, os pimentões, o coentro e a cebolinha. Reserve.
  3. Leve ao fogo uma panela com o óleo e deixe aquecer.
  4. Coloque o alho, a cebola e refogue bem.
  5. Adicione o quiabo e vá refogado.
  6. Paralelamente, adicione no liquidificador o camarão seco, o coentro, a cebolinha, o leite de coco, o amendoim, a castanha, as pimentas, os pimentões, cheiro verde, açafrão e a páprica.
  7. Bata tudo até ficar homogêneo.
  8. Adicione essa mistura na panela do refogado de quiabo.
  9. Acrescente também o caldo do camarão e vá misturando até engrossar.

Modo de Preparo do Vatapá:

  1. Em um refratário, pique os pães amanhecido e regue com todo leite integral e deixe descansando por duas horas.
  2. Após esse tempo, bata no liquidificador o pão já hidratado com o caldo do camarão e reserve.
  3. Pique o alho, a cebola, os pimentões, as pimentas, o gengibre, o coentro e a cebolinha.
  4. Adicione ao liquidificador o leite de coco, o camarão seco, a castanha, o amendoim, o gengibre, as pimentas, o açafrão, a páprica, os pimentões.
  5. Bata até que vire um creme grosso e reserve.
  6. Em uma panela, adicione o azeite e leve ao fogo para aquecer.
  7. Adicione o alho e a cebola e deixe dourar.
  8. Em seguida, despeje o creme de pão, que foi batido com caldo do camarão.
  9. Despeje também na panela o leite de coco que foi batido com o restante dos ingredientes.
  10. Com fogo baixo, vá mexendo até que engrosse.
  11. Coloque o coentro, a cebolinha e o azeite de dendê.
  12. Quando estiver totalmente soltando do fundo da panela desligue o fogo e adicione raspa de dandá da Costa.

Instruções para o Caldo de Camarão:

  1. Corte grosseiramente o alho, a cebola, o alho poró, o aipo e a cenoura.
  2. Coloque óleo em uma panela e leve ao fogo para aquecer.
  3. Adicione o alho e a cebola e misture todos o restante dos ingredientes picados.
  4. Misture novamente e adicione a casca do camarão fresco e as cabeças.
  5. Adicione água até cobrir.
  6. Coloque o cravo, a folha de louro e sal a gosto.
  7. Tampe a panela e deixe ferver por 40 minutos.
  8. Após esse tempo, transfira para o liquidificador e bata até que fique um creme homogêneo.
  9. Passe o creme por uma peneira e sirva.

Modo de Preparo do Bolinho de Acarajé:

  1. Em uma bacia, coloque o feijão.
  2. Adicione a água até cobrir e deixe de molho de um dia para o outro.
  3. No dia seguinte, vá soltando as cascas e lave bem os feijões com água fria até soltar toda a sobra da casca.
  4. Pique as cebolas brancas e adicione ao liquidificador.
  5. Adicione também o feijão e bata até que vire um creme homogêneo.
  6. Transfira essa mistura para uma bacia e bata com a colher de pau até formar uma massa branca e espessa.
  7. Em uma frigideira adicione o azeite e o azeite de dendê.
  8. Leve ao fogo para aquecer.
  9. Quando estiver bem quente, vá pegando a massa e decorando com um camarão seco e coloque no azeite para fritar.
  10. Frite os bolinhos virando-os uma única vez.
  11. Os bolinhos devem ficar com uma tonalidade avermelhada por fora e por dentro claro, bem sequinhos e crocante.

Mais detalhes sobre como fazer acarajé baiano, no vídeo

Como fazer acarajé baiano
Autores: Rodrigo Hilbert e Dona Carmem
Instagram

As pessoas também perguntam:

O que compõe um acarajé?

O acarajé é composto por um bolinho feito de massa de feijão fradinho frito em azeite de dendê. O bolinho é cortado ao meio e recheado com vatapá, caruru, camarão seco e salada composta de tomate, cebola e pimenta. É um prato típico da culinária baiana que conquistou fãs em todo o Brasil e é uma opção deliciosa para quem quer experimentar novos sabores e conhecer um pouco mais sobre a cultura e gastronomia brasileira.

Quanto se gasta para fazer um acarajé?

O custo para fazer um acarajé pode variar de acordo com a região e a disponibilidade dos ingredientes. Em geral, os principais ingredientes como o feijão fradinho, azeite de dendê, camarão seco e castanhas podem ser um pouco mais caros, mas a quantidade utilizada em cada acarajé é relativamente pequena. Por isso, é possível fazer alguns acarajés com um custo total de cerca de R$30, dependendo da região. Vale lembrar que o acarajé é uma iguaria típica e pode ser considerado um investimento na cultura gastronômica brasileira.

Qual o gosto de acarajé?

O acarajé tem um sabor característico e único, resultado da combinação de seus ingredientes e do modo de preparo. O bolinho de feijão fradinho frito tem uma textura crocante por fora e macia por dentro, com um sabor suave e levemente adocicado. Já o recheio de vatapá e caruru adiciona um sabor mais intenso e picante, equilibrando perfeitamente o sabor do acarajé. O molho lambão, feito com pimenta malagueta, azeite de dendê e camarão seco, complementa o prato com um toque de acidez e salgado. No geral, o acarajé é um prato saboroso e bem equilibrado, que agrada aos paladares mais exigentes.

Como se chama o bolinho do acarajé?

Akará. Trata-se de um bolinho frito feito de massa de feijão-fradinho, cebola e sal em azeite de dendê. É conhecido como Akara na África e, especificamente, no norte da Nigéria é chamado de Kosai. No Gana, por sua vez, é mais conhecido como Koose. Fonte Wikipédia.

Qual a diferença do acarajé para o abará?

O acarajé é frito em azeite de dendê e recheado com vatapá, camarão seco, caruru, salada e pimenta. Já o abará é cozido em folhas de bananeira e tem um recheio de camarão seco, cebola, pimentão, tomate e azeite de dendê. O abará também costuma ter uma consistência mais macia e úmida do que o acarajé.

Além disso, enquanto o acarajé é vendido nas ruas em barraquinhas e carrinhos, o abará geralmente é vendido em pontos mais específicos, como restaurantes especializados em culinária baiana.

Como tirar a casca do feijão fradinho?

Para tirar a casca do feijão fradinho, siga os seguintes passos:

  1. Coloque o feijão fradinho em uma tigela e adicione água suficiente para cobri-lo. Deixe de molho por cerca de 2 horas.
  2. Escorra a água e coloque o feijão em uma peneira ou escorredor para remover o excesso de água.
  3. Pegue um punhado de feijão fradinho e esfregue entre as mãos, aplicando uma leve pressão para remover a casca. A casca deve se soltar facilmente e o grão limpo deve cair na tigela ou em outra superfície.
  4. Repita o processo até ter descascado todo o feijão fradinho.

Outra opção é usar um processador de alimentos para ajudar a remover a casca. Basta processar o feijão em pulsos curtos até que a casca se solte. Em seguida, coloque a mistura em uma tigela com água e deixe as cascas subirem à superfície. Remova as cascas com uma escumadeira e escorra a água. O feijão fradinho estará pronto para ser utilizado.

Informações Nutricionais



O acarajé é uma iguaria calórica e rica em carboidratos, principalmente devido ao uso de feijão fradinho e óleo de dendê na preparação do bolinho. No entanto, o prato também é rico em proteínas devido à adição de camarão e amendoim no caruru e vatapá. Além disso, esses ingredientes também fornecem boas quantidades de vitaminas e minerais, como vitamina E, ferro, zinco e magnésio. É importante lembrar que o consumo excessivo de acarajé pode levar ao ganho de peso e problemas de saúde associados à dieta rica em gorduras e carboidratos. Por isso, é recomendado consumir com moderação e incluir na dieta de forma equilibrada.

 

Acarajé

Informação Nutricional Porção de 100g
Calorias 340 kcal
Proteínas 8g
Carboidratos 42g
Gorduras Totais 16g
Gorduras Saturadas 3g
Fibras 6g
Sódio 240mg

 

Vatapá

Informação Nutricional Porção de 100g
Calorias 280 kcal
Proteínas 12g
Carboidratos 35g
Gorduras Totais 12g
Gorduras Saturadas 2g
Fibras 5g
Sódio 220mg

 

Caruru

Informação Nutricional Porção de 100g
Valor Energético: 180kcal
Carboidratos 13g
Proteínas 9g
Gorduras Totais 10g
Gorduras Saturadas 3g
Fibra Alimentar 3g
Sódio 150mg

Lembrando que os valores podem variar de acordo com os ingredientes e a preparação utilizados.


Veja Também:

Bobó de Camarão Rita Lobo – Aprenda a Fazer – Prato Baiano

Receita de Bobó de Camarão – Saiba Como Fazer

Bobó de Camarão

Camarão na Moranga: Prato Clássico e Delicioso

Bolo de Cocada – Bolos da Maria da Paz

5/5 - (2 votes)
Compartilhe! A "Tia" Agradece. :)
Muitas pessoas estão vendo essas Receitas:

Muitas pessoas estão vendo essas Receitas:

Caldo de Mocotó

Caldo de Mocotó Cremoso e Simples: uma Delícia que Aquece o Corpo e a Alma

Tempura

Como Fazer Tempura Sem Fritura

Caldo de Jegue

Caldo de JEGUE – Saiba como fazer essa Delícia

Usamos cookies para oferecer a melhor experiência possível em nosso site. Ao continuar a usar este site, você concorda com o uso de cookies.
Aceitar
Privacy Policy